Maio? Sim, também é feminino

0
1359

Segundo a mitologia romana, maio tem este nome para homenagear Maia, deusa responsável pelo crescimento das plantas e mãe de Mercúrio, que é considerado mensageiro e deus da venda, lucro e comércio.

E como esse mês começou com o Dia do trabalhador, nada mais natural que lembrar das mulheres da nossa região. São elas que desenvolvem, muitas vezes, jornadas duplas ou triplas de trabalho: em casa, cuidando dos filhos, atuando fora do lar…

Sim, elas ‘empurram o piano’ e movimentam o comércio, a indústria e o setor de serviços de São José, Caconde, Divinolândia, Tapiratiba, S. Sebastião da Grama e Itobi.

Por essa e outras razões que podemos aproveitar para pensar no quinto mês desse 2018 como um período feminino. Na capa desta edição, brilha a Ana Júlia Thibério, estudante rio-pardense que mostra sua beleza aqui e no site (www.ojornalzinho.com.br).

Força, criatividade, cuidado, persistência são algumas das variadas qualidades das mulheres. Elas são ferramentas que deixam nossa sociedade mais humana e mais justa, além de menos machista.

Para as mulheres, cabe nosso reconhecimento e, sobre isso, destaca-se assim o dia 13, segundo domingo do mês. Esse é consagrado ao Dia das mães e, também, ao aniversário de 130 anos da abolição da escravatura, este ato assinado por uma mulher.

‘Mãe é mãe’, reforça um ditado antigo. E é verdade, pois elas, além de tudo o mais: ainda ensinam os pais (os homens) a serem mais dedicados aos filhos quando estão em família.

Elas ensinam e aprendem, pois valorizam o diálogo, que é a base para construir algo em sociedade. Por meio da compaixão e da conversa, criam laços que ficam para a vida toda. Se falta a mãe, chega a madrinha, a tia, a avó… São todas, ao mesmo tempo, fortes e flexíveis – enfim, femininas.

São elas também que fazem a alma da produção rural. E, por isso, também são alvos principais da homenagem do dia 25 de maio, Dia do Trabalhador Rural.

O Zinho já conta com várias leitoras e colunistas. E queremos muito mais pois, todo mês – e toda semana, no caso do site –, elas enriquecem essa publicação e o nosso trabalho.

É com essa força que a equipe segue para manter o jornal e o site, com a entrega dos impressos em seis cidades, em apenas três dias.

Com isso, já estamos preparando a edição de junho e julho. Se você é empresária ou empresário, venha conversar com a gente ou ligue que vamos até você. Com um anúncio no Zinho, você chega a 21 mil pessoas.

Um brinde às mulheres, mães e lutadoras de maio!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here