10 DICAS PARA O TCC / TFG | Penna Arquitetura e Urbanismo

7
11524
Fonte: https://www.unisuam.edu.br/graduacao/arquitetura/
Fonte: https://www.unisuam.edu.br/graduacao/arquitetura/

Salve galera, tudo bom com vocês? TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) ou TFG (Trabalho Final de Graduação – ou Tortura Final de Graduação) são 3 letrinhas que tiram o sono dos alunos. Ele nada mais é que um processo de avaliação pelo qual todo aluno deverá passar para conseguir o tão sonhado diploma. Ele é muito temido pelo fato de, muitas vezes, ser o primeiro desafio de maior complexidade que o aluno precisará atravessar.

No caso da Arquitetura e Urbanismo, temos desafios ao longo dos 5 anos de curso. São provas, trabalhos, maquetes, gastos enormes com materiais e plotagens, atividades complementares, cursos extras, entre muitos outros. Mas talvez, nada assuste tanto quanto o tenebroso trabalho final de graduação. O aluno deverá escolher um tema, escrever sua monografia e realizar um projeto dentro do tema escolhido, tudo isso acompanhado pelo professor orientador. Ao final, seu trabalho será apresentado à uma banca avaliadora em que os integrantes decidirão, após análise de todo seu trabalho, juntamente com a sua apresentação, se sua pesquisa é ou não satisfatória para ser aprovada.

Como temos que passar por isso para finalmente formarmos, devemos procurar fazer isso da melhor forma possível. Apesar deste ser conhecido como o ano do pesadelo, você deve procurar sempre manter a calma. Eu sei que é difícil, e muito, mas neste texto vou dar algumas dicas valiosas para te ajudar nesta fase tão importante.

  • DICA 01: ESCOLHA UM TEMA QUE VOCÊ SE IDENTIFIQUE

Este, provavelmente, será um dos únicos projetos em que você escolherá o tema, o terreno, o uso, a forma, em que ao mesmo tempo você será o cliente, o investidor e o arquiteto. Então pense bem e pesquise muito antes de definir seu tema. Escolha um assunto com o qual você tenha afinidade, que esteja relacionado à área de estudo do seu interesse e que desperte a sua curiosidade. Lembre-se, você ficará por um ano inteiro pesquisando sobre isso, então escolha algo que seja agradável para você, algo que, durante o desenvolvimento, não se torne um sacrifício.

Uma dica é procurar criar algo que beneficie outras pessoas e fazer um projeto que você terá certeza que fará bem feito. Tenha muito cuidado para não fazer assuntos muito complexos e com uma proposta de difícil execução, porque você corre o risco de não ter tempo para fazer tudo o que propôs. Não queira unir urbanismo, com paisagismo, com bioclimática, com projeto social, com sustentabilidade, com história da arte, etc. O TFG já é complicado demais, simplifique.

Alguns links que podem te ajudar na escolha do tema: https://regrasparatcc.com.br/temas-para-tcc/temas-para-tcc-de-arquitetura/; https://www.maismonografia.com.br/temas-para-tcc/tema-para-tcc-de-arquitetura-e-urbanismo

  • DICA 02: MONTE UM CRONOGRAMA
Fonte: www.maismonografia.com.br
Fonte: www.maismonografia.com.br

Faça um cronograma e procure segui-lo à risca. Isto contribui para que você não se atrapalhe durante o desenvolvimento do projeto e consiga entregar tudo no prazo. Pergunte ao seu orientador quais as datas das entregas e apresentações. Por mais que sua faculdade tenha apenas a pré-banca e a banca final, você terá assessoria toda semana, então aproveite esse tempo para pedir ajuda, orientações, tirar dúvidas a respeito do tema, pedir sugestões de referências, entre outros. Uma dica é criar um roteiro de quais desenhos você deseja apresentar, o que vai ter nas suas pranchas, e focar em produzi-los. Jamais deixe tudo para os últimos dias, eu sei que há muita coisa a ser feita, mas se você se organizar, vai sim dar tempo para fazer tudo.

  • DICA 03: TENHA MUITAS REFERÊNCIAS

Comece a pesquisar já nas férias sobre o tema que você está pensando em fazer. Busque referências em livros sobre o assunto, pesquise na internet projetos e propostas semelhantes, para quando chegar o ano do TFG você estar mais tranquilo e familiarizado com o assunto que abordará. Os estudos de caso e referências projetuais são pontos bem importantes para você pesquisar, já que eles dão base para suas soluções arquitetônicas. É interessante também consultar o banco de monografias da sua faculdade, para se inteirar mais sobre o formato dos trabalhos e também sobre projetos anteriores que tinham propostas parecidas com a sua.

Pesquise muito e reúna informações suficientes para fundamentar seu trabalho. Esse é um momento muito importante, pois você terá base para criar seu conceito e partido. Isso facilitará todo o desenvolvimento do projeto e contribuirá para sua posterior defesa e apresentação. Algo que me ajudou muito foi ter feito anteriormente uma iniciação científica, pois quando eu fui fazer a monografia eu já tinha alguma noção de como começar. Assim, foi bem mais fácil selecionar quais eram os artigos que me ajudariam na hora de escrever e quais eu poderia descartar.

Mas cuidado para não cair no plágio! Caso você encontre algo que deseja muito utilizar no seu trabalho, não esqueça de fazer as devidas citações. Uma dica é sempre ir salvando as fontes que você pesquisou. Deixe um arquivo separado apenas para isso, pois na hora de referenciar será muito mais fácil. Não copie dos outros, mostre criatividade a partir da junção de várias referências e crie um projeto seu, que você se identifique e saiba justificar.

  • DICA 04: COMECE ESCREVENDO SUA MONOGRAFIA PELO SUMÁRIO
Fonte: https://www.youtube.com/watch?v=Q4RccbGKk4o
Fonte: https://www.youtube.com/watch?v=Q4RccbGKk4o

O desenvolvimento do meu TFG foi feito em duas partes. TFG I, que foi mais voltado para a criação da monografia; e TFG II, que foi mais voltado para o desenvolvimento do projeto e da proposta arquitetônica. Durante todo o ano tivemos pequenas apresentações. A primeira, em forma de slides, foi a apresentação do tema, local, justificativa, metodologia, apresentação de referências (tanto bibliográficas, como projetuais), cronograma e, por fim, um escopo do caderno, que seria o sumário. A partir de então comecei a desenvolver o meu texto, que se iniciou a partir da criação deste sumário. Claro que ele passou por muitas alterações durante todo o decorrer do trabalho, porém ele foi o meu ponto de partida. A criação do sumário faz você ter uma estruturação da sua monografia, já que você tem uma visão geral de tudo o que você quer e precisa escrever. Ele se torna um guia, que contém tudo que você precisa pesquisar e fazer.

  • DICA 05: ESCOLHA UMA ÁREA DE FÁCIL ACESSO PARA VOCÊ

Na maioria das vezes é necessário que você escolha um local para implantar o seu projeto. Portanto, escolha uma área que seja de fácil acesso para você, pois será necessário fazer o levantamento e estudo de todo o local e do seu entorno, além de estudar as leis referentes a cada área, com a Lei de Parcelamento do Solo, por exemplo.

  • DICA 06: NÃO FALTE ÀS ASSESSORIAS

Você será o único prejudicado por deixar de comparecer às orientações, já que elas te ajudarão a descobrir se o seu trabalho está no caminho certo. Confie no seu orientador. Ele é bem mais experiente que você e te ajudará durante todo o desenvolvimento do trabalho. Quanto mais somos orientados, menor é o risco de fazermos um trabalho ruim. Então aproveite muito esse tempo, pois maiores serão as chances do seu trabalho ter resultados satisfatórios.

  • DICA 07: SIGA AS NORMAS DA ABNT DESDE O ÍNICIO
Fonte: http://bloginformaticamicrocamp.com.br/office/normas-da-abnt-parte-1/
Fonte: http://bloginformaticamicrocamp.com.br/office/normas-da-abnt-parte-1/

No TFG, ou TCC, é necessário que as regras da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) sejam seguidas. Cada faculdade utiliza uma metodologia. Saiba qual é a da sua antes de começar a fazer o projeto de pesquisa. Uma dica é, desde o começo, elaborar a sua monografia seguindo as normas. Isso poupa muito tempo, pois você não precisará ficar voltando ao início para arrumar tópico por tópico. Eu acabei não fazendo isso e perdendo um tempo precioso que eu poderia ter economizado.

  • DICA 08: FAÇA SUA MONOGRAFIA EMBASAR O SEU PROJETO

O TCC de Arquitetura é bem complexo, pois se trata do desenvolvimento de dois trabalhos: a monografia e o projeto. Ambos devem permanecer interligados durante todo o desenvolvimento do trabalho. Um serve para “alimentar o outro”. A monografia se trata da etapa realizada para embasar o seu projeto. É o registro escrito da sua evolução, desde o primeiro croqui até a proposta final. Você deve utilizá-la durante o desenvolvimento da sua proposta, pois todas as pesquisas feitas serão muito importantes para colocar as ideias em prática. Todos gostam de ver a evolução e a maneira como você pensou no projeto, portanto especifique os detalhes e apresente todas as etapas até a conclusão do trabalho.

  • DICA 09: ESTEJA PREPARADO PARA O GRANDE DIA
Fonte: http://www.comomontartcc.com.br/apresentacao-do-tcc/apresentacao-do-tcc-as-5-dicas-matadoras/
Fonte: http://www.comomontartcc.com.br/apresentacao-do-tcc/apresentacao-do-tcc-as-5-dicas-matadoras/

Estar preparado para sua banca é fundamental para obter os resultados que se espera. É muito importante estar tranquilo para o grande dia. Tente finalizar seu trabalho em pelo menos dois dias antes da apresentação, para que você tenha tempo de descansar e apenas ensaiar. Treine sozinho, grave para que você possa controlar seu tempo e ver se precisa modificar algo.  Você deve preparar uma apresentação atrativa e com as explicações básicas para a compreensão do projeto. Na minha foram permitidos slides e pranchas. No início da apresentação mostrei um vídeo geral do projeto e de tudo que desenvolvi. Posteriormente fiz a apresentação dos slides, relacionando-os com as pranchas. A diagramação das pranchas é um fator muito importante e que chama a atenção de todos os espectadores, portanto faça-as de maneira organizada e que siga seu cronograma de apresentação.

Link para diagramação de pranchas: https://dicasarqfabi.wordpress.com/2016/04/25/diagramacao-de-pranchas-como-organizar/

Geralmente a banca examinadora é composta pelo professor orientador, um professor convidado da faculdade e um professor visitante. Você tem que ir preparado para os prováveis questionamentos. Eu sei que dá medo, mas nada que uma boa apresentação não resolva. O nervosismo as vezes poderá atrapalhar, é normal ficar nervoso, mas você se dedicou um ano inteiro em função do seu tema, então tente ficar calmo e tranquilo e você saberá o que falar. É preciso acreditar no seu projeto e explorar o que ele tem de melhor. Identifique os pontos positivos e os conceitos mais importantes. Compre o seu projeto!

  • DICA 10: DEDIQUE-SE MUITO

Lembre-se: seu TFG, ou TCC, é o que te possibilitará pegar o tão esperado diploma, então se dedique! Seu projeto passará por muitas revisões, correções, retrabalho e principalmente muita pressão e muitos obstáculos, mas não desista! Serão necessárias algumas horas a menos dormindo, além de faltar daquela reunião de amigos. Mas mantenha o foco, não jogue fora todos os anos que você estudou. Todos temos que passar por esta etapa, portanto faça tudo isso valer a pena e dê o seu melhor. Você vai se surpreender com o que é capaz de fazer. Este é o maior dentre todos os desafios da graduação, mas lembre-se que os desafios da sua vida profissional serão ainda maiores!

Se você tem alguma dúvida ou quer que eu faça mais um texto contando um pouco mais sobre o meu TFG, escreva nos comentários. Muito obrigada e até a próxima!

Redes sociais:

https://www.facebook.com/pennaarqurb
https://www.instagram.com/pennaarqurb/
https://www.youtube.com/channel/UCW3IWblEyxfURqUAArW3Lag

7 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here