SÍNDROME DE HOFFA- JOELHOS

0
1802

O joelho é uma das articulações que mais sofrem em praticantes de atividades físicas ou atletas. Muitos desbalanceamentos musculares de cunho neurofisiológico podem causar alterações no padrão postural, alinhamento corporal e na tensegridade ARTICULAR e MUSCULAR.

Esses desbalanceamentos causarão desequilíbrios musculares também no MOVIMENTO (CINESIOPATOLOGIAS, DISCINESIAS) e, através disso, começarão a criar outros problemas.

A Síndrome de Hoffa é uma lesão pouco conhecida que atinge diversos atletas e praticantes de atividades físicas e/ou exercícios físicos (amadores e profissionais). É é uma infl amação na gordura de Hoffa – ou gordura infrapatelar – que se localiza entre o tendão patelar do joelho e o fêmur, e atrás da patela. Ela ajuda na movimentação do joelho e participa da nutrição e reparação das articulações.

A síndrome acontece quando uma inflamação faz a gordura aumentar, sofrer hemorragias e fibrose. Quando a pessoa movimenta o joelho de forma inadequada (desalinhamento articular, alteração na tensegridade articular), com movimentos de rotação excessivos, e contrai de forma errada o músculo anterior da coxa, aparecem microlesões no tecido gorduroso. O tratamento, na maioria dos casos, Não é cirúrgico e consiste primeiramente de medidas antiinflamatórias (a síndrome em si já é uma inflamação!). Após o controle da inflamação, é importante tratar.
Para que a lesão não retorne, cada caso é específico e exige diagnóstico e programa de tratamento individual.

Mas, de uma forma geral, a recuperação da Síndrome de Hoffa inclui o controle da hiperextensão do joelho, fortalecimento da musculatura do quadril, principalmente o músculo glúteo médio, mínimo e rotadores externos profundos (obturador interno e externo, gêmeo superior e inferior, piriforme e quadrado da coxa) que contribui para o alinhamento do joelho, pode utilizar bandagens ou algo externos para auxiliar no alinhamento patelar no início, fortalecimento do quadríceps.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here