O Valor de um filho

0
487

Hoje gostaria de bater um papo com os todos os pais. Fico preocupada com a forma que alguns pais estão criando seus filhos. Vejo que muitos pais idealizam um filho perfeito e não valorizam os filhos que têm, não conseguem se alegrar com as pequenas conquistas que seus filhos alcançam em suas vidas.

Pais estão sempre querendo mais e mais de seus filhos, mas não dão o que eles precisam. Muitos pais tiveram valores de vida
muito rígidos, e continuam vivendo assim. Trabalham muito, não tem tempo para os filhos, precisam executar atividades de forma perfeita, sem nenhum erro. Aí se deparam com o filho que não está indo bem na escola, pois não tira as notas que
ele espera de um filho, vem a revolta, os castigos, as ofensas, pois o filho precisa ter a responsabilidade de ser ótimo.

Querem que os filhos sejam adultos como eles são, e que entendam sem reclamar que o pai não pode brincar com ele, pois trabalhou muito e está cansado. Sinto falta de ver pais ouvindo seus filhos, pais perguntando para seus filhos como estão. Sinto falta de pais admitirem que o problema conjugal deles afeta a qualidade de vida de sua família. Sinto falta de ver pais admirarem e serem gratos por seus filhos.

Estamos formando crianças com baixa autoestima, que não se sentem seguros para enfrentar o mundo, pois eu olho o mundo com o olhar que aprendi em casa, com minha família. Por isso pais, elogiem seus filhos, entendam suas dificuldades, conversem com eles, passem um tempo para conhecer os sonhos deles, entrem no mundo da fantasia com eles!

Filho bom não é o que é o mais inteligente da turma, mas o que se esforça, o que é afetivo, que é cooperativo com os colegas e que tem pais que confiam em suas capacidades.

Pais cuidem de suas próprias frustrações, libertem-se dos pesos do passado e se permitam viver a paz de uma criança, cuidem de seus filhos com amor e confiem que eles podem ser sua melhor alegria na vida!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here